Voltar

Algoritmo do Facebook altera forma de classificar posts

A rede social Facebook anunciou alterações no algoritmo que vão trazer mudanças que influenciam a forma como os conteúdos publicados (posts) são classificados, bem como a forma como esses mesmos posts aparecem no feed de notícias.

O Facebook anunciou em comunicado alterações no seu algoritmo. Esta alteração ao código do Facebook  provocará  um “efeito de borboleta” que obriga as marcas à reestruturação de algumas estratégias de marketing, na rede social.

Assim, de acordo com o anúncio do Facebook, as alterações vão centra-se na forma como os conteúdos de texto e partilha de links são cotados pelo seu Edge Rank.

Segundo a rede social Facebook, os utilizadores não interagem tanto com os conteúdos de texto publicados pelas marcas, esta conclusão terá influenciado a decisão de passar a classificar estes conteúdos como sendo menos relevantes.

A mudança no algoritmo do Facebook terá duas ramificações:

  • Algoritmo do Facebook vai influenciar a efetividade das publicações

As publicações assumiram diferentes tipos de relevância diferentes dos que estamos habituados, alterando assim a sua efetividade. Apesar de ser uma mudança que faz sentido, a questão relevante é que a rede social não especificou corretamente quais serão as grandes mudanças neste ponto.

  • Mudanças no algoritmo do Facebook vão promover posts com link-share

A partilha de links é feita de duas formas:

1) Apenas com a atualização do estado, com a inserção de um link:

Facebook post

2) Com a partilha de um link e todos os dados que dele advêm, ou seja a geração de um thumbnail da página e o título do artigo:

Facebook thumbnail post

A rede social quer que os utilizadores e empresas efetuem as suas partilhas apenas de acordo com a segunda forma apresentada. Esta forma de partilha torna-se mais específica, mas a verdade é que faz sentido.

De acordo com os dados do Facebook os utilizadores da rede social interagem mais facilmente com conteúdos de imagem. Assim, os conteúdos de link com imagem passam a estar mais expostos tendo a possibilidade de obter maiores taxas de interação.

As mudanças relacionam-se principalmente com os posts com links. E se até agora o Facebook tratava as atualizações de estado dos utilizadores privados da mesma forma que os publicados pelas empresas isso deixará de acontecer.

A par das alterações de algoritmo do Facebook, a rede modificará ainda o seu layout. Esta mudança de visual assume-se como uma forma de dar mais destaque aos conteúdos de link, gerando parecenças entre a rede social e um jornal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados