Voltar

Plataformas de partilha de vídeo: YouTube ou Vimeo?

Ambas as plataformas partilham conteúdo vídeo sendo que cada uma tem os seus benefícios e contrapartidas próprios, mas qual será a ideal para as marcas?

youtube vs vimeo

Nos dias que correm, com o crescimento e desenvolvimento do vídeo, cada vez mais as marcas têm optado por este formato como forma de comunicar e partilhar informação, contudo, escolher qual a melhor plataforma para o fazer, não é tarefa fácil.

O YouTube e o Vimeo são as duas excelentes plataformas de partilha de vídeo, cada uma tem as suas mais valias e pontos em comum, no entanto, existem certas decisões que influenciam a escolha de uma em detrimento da outra.

Existem alguns parâmetros que devem ser definidos e analisados antes de efetuar a escolha da plataforma, como por exemplo, quais os objetivos do vídeo, onde se quer chegar com aquele conteúdo, se as marcas querem chegar, ou não, às massas, etc.

Há respostas que evidentemente levam as marcas pelo caminho certo, por exemplo, caso uma marca queira chegar de forma rápida e eficaz às massas, o YouTube é indubitavelmente a escolha óbvia. Contudo, se o objetivo for gerar tráfego para o website ou blog, então o Vimeo é a opção mais coerente.

Estas definições têm por base o facto de o utilizador do YouTube tender a ficar na plataforma após a visualização de um vídeo, ao passo que o utilizador do Vimeo, na mesma situação, costuma procurar mais informação sobre o que assistiu num motor de busca, blog ou no próprio website da marca.

Porquê o Vimeo?

Se o objetivo de uma marca é chegar a audiências específicas ou a segmentos nicho, o Vimeo é decerto a melhor oferta.

Esta pequena (grande) comunidade é muito focada em canais e categorias específicas, que ajudam as marcas a destacar-se.

Uma grande vantagem para as marcas é que o Vimeo possui um Users Analytics, ou seja, é possível ver e analisar os perfis que visitam o canal e assistem aos vídeos, fornecendo assim dados que permitem um maior conhecimento da audiência.

Contudo, no Vimeo apesar ser gratuito criar uma conta, uma marca que queira ter todas as funcionalidades disponíveis tem de aderir aos planos pagos Vimeo Pro ou Vimeo Plus.

As vantagens de uma conta paga prendem-se com a prioridade nos uploads, ideal para marcas com conteúdo temporal ou de aspeto noticioso, e a funcionalidade de embeber vídeos nos seus websites sem ter o logo do Vimeo em marca de água.

youtube vimeo

Porquê o YouTube?

Marcas que tenham um budget apertado irão preferir o YouTube, pois esta plataforma de partilha de conteúdos vídeo é totalmente gratuita.

A grande vantagem do YouTube é pertencer à Google, ou seja, tendo em conta toda a sinergia entre os produtos e serviços da marca, são inúmeros os benefícios que se podem tirar de um canal do YouTube.

O mais notório e aquilo que mais interessa a uma marca é ligar o seu canal a uma página do Google Plus pois traduz-se numa otimização quase imediata do seu SEO, permitindo uma maior exposição aos utilizadores.

Apesar de tudo, o Youtube tem como contrapartida o facto de colocar anúncios no início de cada vídeo, não sendo possível escolher quais os anúncios dispostos ou se quer “desligá-los”.

No fim de contas, a marca tem de perceber que género de conteúdo vídeo quer partilhar e qual o seu objetivo, pois se é chegar à maioria dos utilizadores, então o YouTube é a opção, mas se quer utilizar o vídeo como uma montra ou usar um tom mais institucional a escolha deve recair sobre o Vimeo.

 

Descubra outros artigos, como este, no nosso blog e acompanhe todas as novidades nas nossas redes sociais Facebook e Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados