Voltar

O sucesso das “Páginas de Paixão” no Facebook

As “Páginas de Paixão” no Facebook, criam conteúdos com os quais as pessoas se identificam e os resultados de partilha têm sido impressionantes.

Há um conjunto de páginas que conseguem um elevado alcance orgânico, com muito pouca publicidade no Facebook.

A questão que se coloca é: como o conseguem? E a resposta é simples: conseguem-no através da produção de conteúdos apaixonantes.

A maioria das páginas apaixonantes não estão a vender um produto ou um serviço, nem tão pouco a dar a cara por uma empresa. As páginas apaixonantes ou de paixão, juntam pessoas que se sentem apaixonadas por alguma coisa.

Mas qual é a estratégia de conteúdo para uma página de paixão e quais são os seus principais objectivos? Há páginas de paixão como a “I Love My Family” que tem 8.8 milhões de fãs. E qual é o budget para aquisição de novos fãs nestas páginas? Nenhum.

Sabendo que existem inúmeras pessoas no Facebook que são apaixonadas pela família, pela religião ou pelo seu cônjuge, a estratégia destas páginas tem sido tentar criar conteúdo em torno destes temas e posteriormente colocá-los nas redes sociais.

As pessoas identificam-se e relacionam-se bastante com os conteúdos destas páginas e adoram partilhá-los com as suas listas de contactos.

Por esta razão, as chamadas “páginas de paixão” têm tido um enorme sucesso a nível internacional e são cada vez mais populares nas mais variadas plataformas, principalmente no caso do Facebook.

As páginas de paixão visam estabelecer laços fortes entre os conteúdos produzidos e as milhões de famílias que existem por todo o mundo.

O conteúdo é extremamente focado nas famílias ainda que também parcialmente focado na fé.

As páginas de paixão utilizam as redes sociais para gerar tráfego para o website. O conteúdo é criado primeiro e só depois são construídas as páginas. As páginas são criadas para divulgar o conteúdo, e não o contrário. As páginas criadas têm que ser relevantes para o conteúdo produzido.

Este género de páginas pode não funcionar para todas as empresas mas gerir uma página de paixão centrada na especialização de uma marca ou no seu produto, pode ser uma mais valia para gerar fidelização e tráfego para o website.

 

Descubra outros artigos, como este, no nosso blog e acompanhe todas as novidades nas nossas redes sociais Facebook e Instagram!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos relacionados